Davi Maia apresenta requerimento de convocação do secretário Ênio Lins

por Comunicação/ALE publicado 27/05/2020 12h36, última modificação 27/05/2020 12h36

Durante a sessão ordinária desta quarta-feira, 27, o deputado Davi Maia (DEM) apresentou requerimento à Mesa Diretora solicitando a convocação do secretário de Comunicação do Estado, jornalista Ênio Lins, para prestar esclarecimentos sobre contratos de serviços de publicidade e propaganda firmados pelo Governo do Estado, com especial enfoque nas contratações para a realizações de campanhas publicitárias sobre as ações do Executivo no combate à pandemia do coronavírus (Covid-19) em Alagoas. A pasta, cujo orçamento é de cerca de R$ 15 milhões, já teria gasto aproximadamente R$ 8 milhões, nos últimos dois meses, com serviços de publicidade e propaganda institucionais.

Há cerca de 20 dias, a pedido de Maia, o plenário da Casa aprovou requerimento convidando Ênio Lins para apresentar os esclarecimentos devidos. Em resposta, o secretário enviou ofício ao Parlamento informando que só estaria disponível para atender a solicitação no dia 30 de setembro vindouro. "Essa Casa vai passar quatro meses para escutar o secretário de Comunicação. A resposta do secretário Ênio Lins é, no mínimo, um desrespeito a essa instituição ou uma piada de mau gosto", criticou Davi Maia. "Ou ele tem muita coisa a esconder e não quer falar ou não tem explicação", prosseguiu o parlamentar.

Em aparte, o deputado Antonio Albuquerque (PTB) se solidarizou ao pronunciamento do colega de plenário e disse estar "estupefato" com a resposta de Ênio Lins. Para Albuquerque, a decisão do secretário cria uma expectativa que dá margem a inúmeras especulações. "Por que não explicar isso logo? E por que essa desatenção com o Poder Legislativo alagoano, que tem sempre contribuído com as ações dos demais poderes e órgãos do Estado?", questionou o parlamentar.

Ao corroborar com o pensamento do Davi Maia, o deputado Cobo Bebeto (PSL) se colocou à disposição para subscrever o requerimento com a convocação do secretário Ênio Lins.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.