Rostand Lanverly é homenageado com a Comenda Lêdo Ivo

por Comunicação/ALE publicado 14/05/2018 17h25, última modificação 14/05/2018 17h29

Por iniciativa do deputado Francisco Holanda (PP), a Assembleia Legislativa concedeu, nesta segunda-feira, 14, a comenda Lêdo Ivo ao engenheiro civil e escritor Alberto Rostand Fernandes Lanverly de Melo, 61 anos, em reconhecimento aos relevantes serviços prestados ao meio literário do Estado.

“Essa é uma homenagem justa, porque o Rostand hoje é um literato com um vasto serviço prestado à cultura alagoana”, declarou Francisco Holanda. Prestigiada por diversas autoridades do meio cultural, a homenagem foi aprovada por unanimidade pelo plenário da Casa. A comenda Lêdo Ivo tem por finalidade condecorar personalidades de destaque no meio cultural e literário alagoanos.

Atualmente presidindo a Academia Alagoana de Letras, Alberto Rostand Lanverly disse se sentir muito honrado ao ser agraciado com a comenda e agradeceu ao Parlamento pela iniciativa. Lanverly disse que se sente muito feliz e que ao receber a homenagem sente aumentar ainda mais o peso da responsabilidade para com a cultura do Estado. “Me esforçarei para fazer jus a confiança, sempre pautado na história de vida dedicada as letras e a arte do próprio Lêdo Ivo: um ícone da literatura brasileira, um homem que tanto enalteceu nosso Estado e o Brasil”, declarou o homenageado. “A responsabilidade é muito grande. Lêdo Ivo foi um homem que teve seus livros traduzidos em diversas línguas, foi aplaudido na América, na Europa e que, apesar de ter morrido na Espanha, sempre foi um alagoano, um homem que pontificou como jornalista, ensaísta, romancista, enfim um homem integralmente dedicado às artes”, ressaltou o homenageado.

Currículo
Natural do Rio Grande do Norte, Alberto Rostand Lanverly chegou a Alagoas ainda criança. É formado em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal). Cursou doutorado no Canadá, retornando a Alagoas dois anos depois, sendo aprovado, através de concurso público, para professor da Universidade Federal de Alagoas (Ufal). Tem sete livros publicados. Atualmente preside a Academia Alagoana de Letras, além de fazer parte do Instituto Histórico e Geográfico e da Academia Maceioense de Letras.

Bastante concorrida, a sessão solene contou com a presença do médico pediatra Milton Hênio de Gouveia, representando a Academia Alagoana de Medicina; do presidente do Conselho Regional de de Engenharia e Agronomia de Alagoas (Crea-AL), Fernando Dacal; do presidente da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores em Alagoas (Sobrames-AL), Jorge Luiz Soares Melo; do presidente da Editora Graciliano Ramos, Imprensa Oficial, Dagoberto Omena; do vereador Francisco Holanda Filho (PP); e do procurador-geral do Legislativo alagoano, Diógenes Tenório.

error while rendering plone.comments